Janeiro especial com Juarez Moreira e Hamilton de Holanda em show inédito em BH
Publicado por

Janeiro especial com Juarez Moreira e Hamilton de Holanda em show inédito em BH

Sesc Chorinho e Samba na Praça Especial Dia Nacional do Choro na Praça de Santa Tereza. Atrações: Flor de Abacate, Aurélie & Verioca, Quatro a Zero com participação especial de Toninho Ferragutti e Conjunto Época de Ouro com participação especial de Hamilton de Holanda. Belo Horizonte MG. 25/04/2015. © Copyright Élcio Paraíso/Bendita – Conteúdo & Imagem | Todos os direitos reservados | All rights reserved

A série “Juarez Moreira e Convidados” segue homenageando grandes ícones da música popular brasileira. Desta vez, Antônio Carlos Jobim, um dos mais aclamados compositores brasileiros, é o escolhido.

Já foi o tempo em que BH não possuía um cenário cultural efervescente na época das férias. Prova disso é o grande encontro de Juarez Moreira e Hamilton de Holanda no dia 17 de janeiro, às 20h, no CCBB-BH. A apresentação faz parte da série inédita de shows Juarez Moreira e Convidados, na qual o compositor mineiro receberá convidados de destaque do cenário musical para homenagear um ícone da música popular brasileira.

Após estreia com casa cheia, com a participação de Wagner Tiso, Juarez segue a sequência de shows homenageando Antônio Carlos Jobim. Ao lado do virtuoso convidado Hamilton de Holanda, composições de Jobim que atravessam gerações serão interpretadas em versões arranjadas por Moreira.

Quem acompanhará a dupla será o quarteto de cordas formado por integrantes da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais (Hyu-Kyung Jung – 1º violino, Tiago Kuntzler Ellwanger- 2º violino, Gerry Seville Varona – violaEduardo Swerts – violoncelo), e os músicos Kiko Mitre (contrabaixo acústico) e Márcio Bahia (bateria).

 A série de shows conta com o patrocínio do Centro Cultural Banco do Brasil  – CCBB.

 Programação

17/01 – Juarez Moreira convida Hamilton de Holanda e homenageia Tom Jobim

7/02 – Juarez Moreia convida Nivaldo Ornelas e homenageia Ary Barroso

21/02 – Juarez Moreira convida Mônica Salmaso e homenageia Baden Powell

Conheça mais sobre Hamilton de Holanda

Formado em composição pela Universidade de Brasília, o bandolinista Hamilton de Holanda carrega na bagagem a prática das rodas de choro e samba, permitindo o seu diálogo com as mais diferentes formações, solo, duo, quarteto, quinteto ou orquestra. Considerado o “Jimmy Hendrix do bandolim” pela imprensa americana, Hamilton reinventou o bandolim adicionando duas cordas extras ao instrumento brasileiro.

Hamilton de Holanda passeia por diversos gêneros com o seu bandolim de sonoridade única. O choro é a sua primeira referência, somada ao frevo, a bossa nova, a música popular brasileira. Em sua trajetória, premiações como a da publicação europeia Le Monde de la Musique, pelo seu primeiro CD solo 01 byte 10 cordas, primeiro disco de bandolim 10 cordas solo do mundo. O bandolinista foi diversas vezes indicado ao Grammy Latino, sendo premiado em 2016, na categoria melhor disco instrumental, e em 2015, como melhor canção brasileira.

Além de levar seu virtuosismo pelo Brasil e pelo mundo, o bandolinista criou há pouco mais de três anos o Baile do Almeidinha, no Rio de Janeiro.

 Conheça mais sobre Juarez Moreira

 Juarez Moreira cresceu ouvindo jazz, bossa nova e a música brasileira dos anos 50. O também guitarrista e arranjador se apresentou nos quatro cantos do mundo e tem 12 CDs lançados e um DVD gravado ao vivo. Nesta extensa trajetória na música instrumental, subiu ao palco ao lado de Egberto Gismonti, Ivan Lins, Bituca, Yamandu Costa, Toninho Horta, Maria Bethânia, Gal Costa, entre outros. Se apresenta em festivais e projetos como Free Jazz, I Love Jazz, Joinville Jazz Festival, Instrumental Sesc Brasil, Tudo é Jazz, Festa da Música, MIMO Festival, Choro Jazz, Música no Museu e Série BH Instrumental, além de show fora do país, como estados Unidos, França, Venezuela, Portugal, Itália, Suíça, Finlândia, Argentina e Venezuela.

O compositor também se enveredou por outros segmentos da música, e juntamente com os amigos e violonistas parceiros Fernando Araújo e Aliéksey Vianna, criou o Festival Internacional de Violão de Belo Horizonte (FIV), do qual são curadores. O festival é um os principais da América Latina. Como produtor musical e arranjador, atuou em vários CD’s, entre eles, A Lua Luará, com Cláudya de Oliveira, Heikki Sarmanto e Fernando Brant.

 

Serviço

Juarez Moreira convida Hamilton de Holanda e homenageiam Antônio Carlos Jobim

Dia 17 de janeiro, às 20h

CCBB-BH – Teatro I – Praça da Liberdade, 450, Funcionários

Venda de ingressos: eventim.com.br ou na bilheteria do CCBB, de quarta a segunda, das 9h às 21h – R$20 (inteira) / R$10 (meia) 

Informações: (31) 3431-9400

Clientes Banco do Brasil têm pré-venda exclusiva e pagam meia-entrada em todas as apresentações.

Classificação livre

 Assessoria de Imprensa – Beth Santos – 31 999123 8000 – artelivre2002@gmail.com

 Bárbara Campos Guimarães

Assessoria de Imprensa
Centro Cultural Banco do Brasil Belo Horizonte
Tel (31) 3431-9412
barbaracg@bb.com.br

0 0 150 09 janeiro, 2018 Eventos/Moda janeiro 9, 2018

Sobre o autor

CEO e Co-fundador da 2/1 Revista Eletrônica, Relações Corporativas, Ombudsman, atuou no Jornal O GLOBO (GRUPO GLOBO), Diário da Tarde (Diários Associados), Pohlig Heckel do Brasil (Grupo Belgo Mineira) e Diretor de Relações Públicas do Rotary Club

Ver todos os artigos por Jean Hausemer

Postagens relacionadas

Artigos recentes

  • 2/1 Revista Eletrônica
    2/1 Revista Eletrônica
  • VAC – CONTEMPORÂNEO APRESENTA: RUFO HERRERA E O BANDONEÓN
  • Muito barulho por nada
  • Petistas acham que partido deve ter plano caso Lula não concorra ao Planalto
  • O desafio das ‘fake news’ nas eleições de 2018
  • Aviões turcos bombardeiam território curdo na Síria
  • STJ libera posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho