Festa ‘Sonzêra’ leva shows do duo Loquàz, da cantora Raquel Coutinho e do rapper Max Souza ao espaço Mama/Cadela
Publicado por

Festa ‘Sonzêra’ leva shows do duo Loquàz, da cantora Raquel Coutinho e do rapper Max Souza ao espaço Mama/Cadela

Produzido pela DJ Sandri, projeto busca apresentar novos sons ao público mineiro e inaugurar mais uma etapa do programa “Conversa Afinada”, da Rádio UFMG Educativa

Revelar a nova música produzida mundo afora sempre foi um dos objetivos de Sandra Leão, conhecida nas pistas de Belo Horizonte pela alcunha de DJ Sandri. Além da pesquisa musical para criar seus sets, a moça se aventura na apresentação do programa de rádio “Conversa Afinada”, da Rádio UFMG Educativa, e agora produz a festa “Sonzêra”, que terá sua primeira edição no dia 5 de agosto, a partir das 16h20, no Mama/Cadela. A estreia da empreitada contará com shows do duo Loquàz, da cantora Raquel Coutinho e do rapper Max de Souza, além da discotecagem do DJ Bill. A entrada é gratuita.

A festa “Sonzêra” nasceu da vontade de Sandri de “aplicar” ao público alguns compositores que recebeu durante os últimos três anos de programa de rádio. A escolha do primeiro trio de atrações tem como ponto central a música eletrônica em suas variadas vertentes. “Todos os artistas que selecionei têm o eletrônico de certa forma presente em sua música. O Loquàz é um duo de trip hop que trabalha com beats e voz. Já a Raquel Coutinho traz a mistura da música brasileira com elementos eletrônicos, usando pedais e efeitos no vocal. E o Max é um rapper. Achei importante trazer alguém do rap porque acredito que essas experimentações com a música eletrônica têm o gênero como origem, já que ele sempre usou o beat como base para as rimas”, explica Sandri.

A tarde musical começa com a seleção do Dj Bill, que apresenta sons dos quatro cantos do mundo. No set, os destaques vão para os ritmos regionais, surpreendentes lados B da música brasileira, cumbia peruana e afrobeat. Em seguida, é a vez do Loquàz fazer um de seus primeiros shows da carreira. Formado pelos produtores Fumaça e Ana Assis, o projeto parte de influências que vão do rap ao chill, misturando composições em inglês com suíngue tupiniquim num som convidativo e sedutor.

Seguindo o baile, será a vez da cantora e compositora Raquel Coutinho apresentar o Mineral-Nano-Show, uma versão pocket da apresentação de seu disco de estúdio “Mineral”, lançado em 2015. Com a menor formação possível – apenas um músico que se divide entre a guitarra e o baixo – Coutinho explora toda sua experiência em cantar, tocar percussão e criar loops de voz, dando origem a um show inusitado, criativo e dançante.

Já o rimador Max de Souza fecha a festa mostrando as faixas de seu disco “Alter Ego”, lançado no fim do ano passado. Nascido e criado em Contagem, o rapper, que também é compositor, MC e produtor cultural, ficou conhecido nas batalhas do Duelo de MCs, tradicional evento que ocupa o Viaduto Santa Tereza celebrando a cultura do hip hop.

‘Conversa Afinada’

No ar há três anos pela Rádio UFMG Educativa, o programa “Conversa Afinada” se dedica exclusivamente à divulgação da música independente feita nos dias atuais. Por meio de um bate-papo descontraído, a apresentadora Sandra Leão mostra o trabalho de músicos, DJs, produtores, curadores e pesquisadores da cena musical.

Entre os entrevistados, Sandri já recebeu nomes como Di Melo, Zaika dos Santos, Iconili, Constantina, Dibigode, Mordomo, Falcatrua, Dibigode, Graveola, Luiza Brina e Luiz Valente. Em 2017, o programa se prepara para uma nova etapa, desta vez com o patrocínio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura. “Nesta temporada quero trazer produtores musicais e também a galera que está por trás dos beats. Quero mostrar ainda o som de bandas e músicos novos. O foco vai ser mais na minha curadoria do que em levar convidados de renome. O objetivo é aplicar novos sons. O programa é realmente um espaço para o que está sendo produzido de novo”, defende Sandri. Além de novos episódios, o “Conversa Afinada” vai ganhar uma série de vinhetas produzidas pelo beatmaker mineiro Fumaça.

Sobre a DJ Sandri

A pesquisa da DJ Sandri transita entre diferentes gêneros, etnias e estilos musicais, como brasilidades clássicas e atuais, sambas, guitarradas, carimbós, afrobeats, cumbias peruanas, funk, soul, reggae, jazz, rap, hip-hop e psicodelias. Ela se apresenta constantemente em casas de shows de Belo Horizonte ao lado de bandas que têm se destacado na cena musical da cidade, como Iconili, Zevinipim e Orquesta Atípica de Lhamas. Participou de grandes eventos da capital mineira como o Festival de Arte Negra (FAN), a Virada Cultural e o encerramento do Festival de Cenas Curtas do Galpão Cine Horto. Atualmente, é DJ residente da festa “Baixo Ventre”, idealizada pela DJ Naroca, e integrante do trio de DJ’s SoundSista, que tem como base a pesquisa do reggae e suas vertentes.

Em 2016 Sandri foi convida pelo projeto Skol Lab para selecionar bandas do cenário independente de Belo Horizonte para participar de um projeto da Skol Music, com workshops de grandes nomes como Miranda, Gaby Amarantos, Zé Ricardo e Franklin Costa. Sua curadoria foi bastante elogiada pelo produtor musical Miranda.

‘Conversa Afinada’ apresenta: ‘Sonzêra’

Shows de Loquàz, Raquel Coutinho e Max Souza. Discotecagem: DJ Bill

Quando: 5 de agosto (sábado), a partir das 16h20

Onde: Mama/Cadela (Rua Pouso Alegre, 2048, Santa Tereza)

Quanto: Entrada gratuita

Informações para a imprensa:

Fernanda Machado
(31) 9.8858-1256
comunicacaofloriano@gmail.com

A imagem pode conter: 1 pessoa, atividades ao ar livre
A imagem pode conter: 1 pessoa, atividades ao ar livre
0 0 470 28 julho, 2017 Agenda Cultural julho 28, 2017

Sobre o autor

CEO e Co-fundador da 2/1 Revista Eletrônica, Relações Corporativas, Ombudsman, atuou no Jornal O GLOBO (GRUPO GLOBO), Diário da Tarde (Diários Associados), Pohlig Heckel do Brasil (Grupo Belgo Mineira) e Diretor de Relações Públicas do Rotary Club

Ver todos os artigos por Jean Hausemer

Postagens relacionadas

Artigos recentes

  • A partir de ontem, investimentos em renda fixa e variável poderão ser alvo de penhora online
    A partir de ontem, investimentos em renda fixa e variável poderão ser alvo de penhora online
  • Entorno do TRF4 terá bloqueio ‘aéreo, terrestre e naval’
  • Facebook admite que redes sociais podem ameaçar democracia
  • Mundo tem um novo bilionário a cada dois dias
  • O primeiro ato do ano eleitoral brasileiro
  • Morro da Garça promove XXVI Encontro de Arte e Cultura ao Pé da “ Pirâmide do Sertão” De 24 a 28 de Janeiro de 2018.
  • Próximo a blocos carnavalescos, hotel TRYP Itaim – em São Paulo – estende o horário do late check-out durante o Carnaval