GESTANTES E LACTANTES DEVEM SE VACINAR CONTRA A FEBRE AMARELA EM MINAS GERAIS
Publicado por

GESTANTES E LACTANTES DEVEM SE VACINAR CONTRA A FEBRE AMARELA EM MINAS GERAIS

Decisão é motivada pelo risco de surto e imunização é a forma mais eficaz de prevenir a doença. Sogimig incentiva a vacinação.  

Belo Horizonte, janeiro de 2018 – Os números alarmantes de casos de febre amarela em Minas Gerais motivaram o Ministério da Saúde (MS) a prestar mais atenção em um grupo de risco importante: as gestantes e lactantes. Em função disso, a Secretaria de Estado de Saúde e a Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte mudaram as regras de contraindicação e liberaram a vacinação desse público sem recomendação médica formal. A triagem está sendo feita pelas enfermeiras do posto. Até então, a dose não era recomendada para as gestantes e lactantes, pois não havia risco de surto no Estado.

A Associação de Ginecologistas e Obstetras de Minas Gerais (Sogimig) incentiva a vacinação e orienta que as gestantes e lactantes devem ser avaliadas previamente por um profissional de saúde que esclarecerá os benefícios e risco da imunização, levando em conta o risco dos eventos adversos.

O presidente da Sogimig, Dr. Carlos Henrique Mascarenhas Silva, esclarece que é imprescindível seguir a orientação do Ministério da Saúde: “a febre amarela traz um grande risco à saúde das gestantes, podendo levar à morte. Sabemos que quanto maior o número de pessoas vacinadas, menor a chance da doença se alastrar. É um ajudando o outro na prevenção. Se todos se imunizarem, aqueles que não podem se vacinar ficam indiretamente protegidos. Dessa forma, vamos evitar o reaparecimento da febre amarela urbana, que foi erradicada do Brasil há 70 anos”.

O Ministério da Saúde orienta que as lactantes que estiverem amamentando um bebê de 6 meses ou mais já imunizado podem ser vacinadas sem a necessidade de suspender o aleitamento materno. Caso contrário, é preciso adiar a amamentação por 10 dias. Quem não pode receber a imunização deve usar medidas protetivas como repelente e roupas cobrindo todo o corpo, além de evitar áreas próximas a matas, inclusive bebês.

SOBRE A SOGIMIG

Há 72 anos, a Associação de Ginecologistas e Obstetras de Minas Gerais (Sogimig) atua em Minas Gerais e possui relações com associações congêneres do País e no exterior. Filiada à Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), a entidade é constituída por um presidente, 12 diretores, 15 conselheiros, 14 comitês científicos, vice-presidentes e diretores regionais e mais de 1300 associados.

Tendo como pilares a atualização científica, a defesa e valorização profissional e a interiorização, a Sogimig mantém parcerias com entidades envolvidas com a defesa profissional e a saúde da mulher. Entre os objetivos principais da associação estão a educação continuada, melhores condições de trabalho e valorização do ginecologista e obstetra mineiro. Preocupada também com a educação do público leigo, a entidade iniciará em 2018 um novo projeto: ciclo de bate-papo com as mulheres sobre diversos temas de saúde feminina.

Facebook:  https://www.facebook.com/sogimig/

Instagram: https://www.instagram.com/sogimig/

Inscreva-se no canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/Sogimig

Site: http://www.sogimig.org.br

ÁRVORE GESTÃO DE RELACIONAMENTO

Árvore Gestão de Relacionamento (31) 3194-8700

Direção: Rafael Araújo

ATENDIMENTO:

Mariana Castello Branco – mariana@aquitemarvore.com.br

(31) 3194-8718 / 9 7343-1969

0 0 790 10 fevereiro, 2018 Fique Por Dentro fevereiro 10, 2018

Sobre o autor

CEO e Fundador da 2/1 Revista Eletrônica, Relações Corporativas, Ombudsman, atuou no Jornal O GLOBO (GRUPO GLOBO), Diário da Tarde (Diários Associados), Diário do Comércio, Pohlig Heckel do Brasil (Grupo Belgo Mineira) e Diretor de Relações Públicas do Rotary Club.

Ver todos os artigos por Jean Hausemer

Postagens relacionadas

Artigos recentes

  • Brexit leva a corrida por passaportes alemães
    Brexit leva a corrida por passaportes alemães
  • Os futuros elefantes brancos da Rússia
  • OBRAS DO MUSEU INIMÁ DE PAULA GANHAM IDENTIFICAÇÃO DIGITAL
  • Dia dos Namorados: Rede Meliá propõe um fim de semana inesquecível em seus hotéis
  • Letícia Sabatella no Sesiminas, com “A Vida em Vermelho – Brecht & Piaf” – 9 e 10/6
  • Sempre Um Papo infantil com Silvana Gontijo – Museu dos Brinquedos – 27/5- domingo -10h30 Hs
  • Ator global se hospeda no Meliá Ibirapuera