ADRIANO CAMPAGNANI HOMENAGEIA CLUBE DA ESQUINA EM SEU TERCEIRO DISCO “INSTRUMENTAL DAS ESQUINAS”
Publicado por

ADRIANO CAMPAGNANI HOMENAGEIA CLUBE DA ESQUINA EM SEU TERCEIRO DISCO “INSTRUMENTAL DAS ESQUINAS”

Músico faz turnê durante o mês de março com shows e workshops gratuitos. Em Belo Horizonte, encontro com o público será no dia 22/3 (quinta-feira), na casa “A Autêntica”

 

O músico contrabaixista, compositor e arranjador mineiro Adriano Campagnani inicia turnê para o lançamento de seu terceiro disco, o “Instrumental das Esquinas”. Campagnani presta homenagem ao movimento Clube da Esquina interpretando canções de Milton Nascimento, Lô Borges, Beto Guedes, Toninho Horta e outros compositores do Clube. Nessa nova turnê, Adriano Campagnani ministra workshops nos quais deve discutir suas interpretações para as canções, suas técnicas e concepções artísticas e o papel da música instrumental no mercado musical nacional e internacional. Em Minas, a turnê teve início por Montes Claros (dia 2/3), passa por Juiz de Fora (dia 10/3) e se encerra em Belo Horizonte, no dia 22 de março (quinta-feira), na casa “A Autêntica”. Depois, segue para São Paulo, onde se apresenta no dia 29/3. A entrada de todos os shows e workshops é gratuita.

O CD “Instrumental das Esquinas” é o resultado de mais de 25 anos de atuação de Adriano Campagnani no cenário mineiro, quando acompanhou quase todos os artistas do Clube da Esquina e conheceu de perto toda obra desses artistas. Exatamente por toda a bagagem adquirida ao longo dos anos, Adriano compartilha aspectos importantes da música em suas palestras, que atendem tanto músicos experientes, quanto iniciantes. “Faremos performances e demonstrações dos tópicos ao vivo”, garante o músico.

A participação no workshop é gratuita, com inscrição realizada na hora do evento mediante a lotação dos espaços. Entre os tópicos abordados estão técnicas avançadas para contrabaixo elétrico: Pizzicato com abafamento correto, Slap 3 dedos, Tapping, Sweep e Palm Mutting, Harmonia e improvisação; Campos Harmônicos, Escalas, Arpejos, Modos gregos, Progressões de acordes, Jazz, Walking bass, Atalhos de aplicações de escalas e arpejos, com exemplos. Quanto aos Estilos, Adriana fala sobre a importância de conhecer e saber executar as vertentes da música brasileira e de outros países. E a respeito de sua experiência e vivência, dá dicas de quem já trabalhou com inúmeros artistas de várias vertentes, viajando o mundo todo e participando de centenas de gravações.

INSTRUMENTAL DAS ESQUINAS

O albúm “Instrumental das Esquinas” é o terceiro álbum do artista, gravado no Estudio Ultra, com produção e direção artística assinada por Barral Lima. O disco conta com diversas participações especiais – como Flávio Venturini, Serginho Carvalho, Toninho Horta, Wilson Sideral e Lô Borges, e é resultado de mais de 25 anos de atuação do artista. O disco reúne dez canções e está disponível no site do artista, onde também é possível escutar parte de todas as músicas: www.campagnani.com.br

FAIXA A FAIXA

Faixa 01 – Plenum (Participação de Flávio Venturini)

Tema com influências de Rock progressivo, com a participação brilhante de Flavio Venturini nos teclados. Traz à tona a energia dos anos 1970 através dos timbres analógicos, “hammonds” e nos vocais.

Faixa 02 – Caminho de Pedra (Participação de Serginho Carvalho)

Tema tipicamente mineiro inspirado em um caminho de pedra que leva às cachoeiras na região da Serra do Cipó. Ainda conta com as participações especiais do saudoso Cláudio Faria nos pianos e vocais, e Serginho Carvalho, contrabaixista que atuou com Djavan por quase dez anos.

Faixa 03 – Espiral (Participação de Toninho Horta)

Composição de Claudio Faria com a sensacional participação de Toninho Horta, que abrilhantou a faixa com seus violões e ainda cantou o tema junto ao contrabaixo.

Faixa 04 – Achado

Faixa mais “Fusion” do CD em que os músicos demonstram que o “Groove” co-existe com a melodia mineira. Destaque para o virtuosismo de André Campagnani na bateria.

Faixa 05 – Três Casas

Composição de Amauri Ângelo. Uma linda balada mineira com improvisos de violão, contrabaixo e piano.

Faixa 06 – Sonho

Tema que explora o contrabaixo como instrumento harmônico e melódico, com técnicas avançadas, executando arpegios, fazendo acordes, destacando os arranjos de sintetizadores executados pelo contrabaixo atrás da tecnologia GR da ROLAND.

Faixa 07 – Atrás do Céu (Homenagem a Toninho Horta com participação de Wilson Sideral)

Faixa em homenagem a Toninho Horta, com harmonia e melodia mineira. Conta com a participação de Wilson Sideral nos vocais, cantando o tema, e o improviso de contrabaixo.

Faixa 08 – Deserto

Peça solo para contrabaixo de 5 cordas em que Adriano explora técnicas como “Tapping”, Slap”, “Hammer On” sem perder a musicalidade. Destaque para os efeitos empregados pelo técnico Henrique Soares.

Faixa 09 – Prova dos nove (Participação de Lô Borges)

Tema com muitas variações de compassos e andamentos mesclando as músicas mineira e africana. Participação de “Lô Borges, que cantou o tema, além de improvisar nos momentos em 5/4.

Faixa 10 – Teoria do Caos

Remete ao primeiro trabalho fusion de Adriano, o “Lizards trio”, com os integrantes originais. Augusto Rennó, nas guitarras; e André Campagnani, na bateria. Finaliza com homenagem ao contrabaixista Jaco Pastorius.

SOBRE O ARTISTA

Adriano Campagnani é músico contrabaixista, compositor e arranjador nascido em Belo Horizonte – 30 de março de 1976, com mais de 20 anos dedicados à música, em especial ao contrabaixo elétrico Cresceu em ambiente musical, com pais e tios músicos amadores e profissionais, onde começou a desenvolver sua musicalidade desde cedo, se interessando por instrumentos de cordas. Crescendo no berço da música mineira, e seu nome já circulando no mercado musical, Adriano é sempre convidado a tocar com nomes do movimento “Clube da Esquina”. Entre os artistas que ainda acompanha em turnês pelo país estão Beto Guedes e Flávio Venturini. A versatilidade do contrabaixista fez com o que ele sempre estivesse na estrada ou em estúdio com artistas de vários gêneros: Pop, Rock, Jazz, Soul, Cubana, Africana e, principalmente, brasileira. Entre as bandas de destaque, estão “Kid Abelha”, “Jota Quest”, cantores, compositores e intérpretes como Wilson Sideral, Titane, George Israel, Marku Ribas, Marina Machado, Celso Adolfo, músicos como Chico Amaral, Juarez Moreira, Esdras “Neném” Ferreira e Beto Lopes.

Adriano lançou em 2005 seu primeiro CD solo, autoral, com participações de grandes músicos mineiros como Paulinho Santos (UAKTI), Esdras “Neném” Ferreira, Amauri “Aranha”, Claudio Faria, Aliéksey Viana, Írio Junior. Em 2011, lançou o segundo disco solo “Galápagos”, em que, além de surpreender os ouvintes com composições recheadas de dinâmicas e timbres moldados durante todos esses anos de pesquisa, contou com participações especiais de Marku Ribas, Gerson “Play” Pires, e Uriah Duffy – baixista da lendária e uma das maiores bandas de rock do mundo “Whitesnake”, entre outros.

Adriano Campagnani na web:

www.adrianocampagnani.com.br

https://www.instagram.com/adrianocampagnani/

https://www.facebook.com/adrianocampagnani

https://www.youtube.com/user/adribass

https://twitter.com/ACampagnani

SERVIÇO:

Adriano Campagnani faz turnê do terceiro disco “Instrumental das Esquinas” com shows e workshops gratuitos

Data: 22 de março (quinta-feira )

Local: A Autêntica – Rua Alagoas, 1172 – Savassi, Belo Horizonte

Workshop: 19h30 as 21h30

Show: 22h

ENTRADA GRATUITA, sujeita a lotação

 

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA:

Luz Comunicação

Jozane Faleiro | coordenação – 31 9 9204-6367 / 3567-6714 jozane@luzcomunicacao.com.br

Letícia Bessa | atendimento – 31 9 9793-2491 imprensa@luzcomunicacao.com.br

 

ADRIANDO CAMPAGNANI PASSA AINDA POR:

São Paulo | 29 de março

Local: EM&T – Avenida Engenheiro George Corbisier, 100 – Jabaquara / São Paulo

Workshop: 18h às 20h

Show: 20h30

0 0 1420 08 março, 2018 Agenda Cultural, Eventos/Moda março 8, 2018

Sobre o autor

CEO e Fundador da 2/1 Revista Eletrônica, Relações Corporativas, Ombudsman, atuou no Jornal O GLOBO (GRUPO GLOBO), Diário da Tarde (Diários Associados), Diário do Comércio, Pohlig Heckel do Brasil (Grupo Belgo Mineira) e Diretor de Relações Públicas do Rotary Club.

Ver todos os artigos por Jean Hausemer

Postagens relacionadas

Artigos recentes

  • Japoneses planejam primeiras colônias lunares
    Japoneses planejam primeiras colônias lunares
  • Porsche abandona o diesel
  • “O Homem no Espelho”: Espetáculo musical que reverencia Michael Jackson, em cartaz no Sesc Palladium, dias 26 e 27 de outubro
  • As pesquisas como fator eleitoral
  • Mobilidade urbana não entra no debate de candidatos aos governo de Minas
  • Você decide. E arca com as consequências
  • BRASIL MOSTRA TUA CARA