GABRIELA PEPINO FAZ SHOW EM OURO PRETO
Publicado por

GABRIELA PEPINO FAZ SHOW EM OURO PRETO

Novo trabalho da cantora mineira traz canções inéditas e autorais sobre a vida, amor e diversão. Inspirado pelo soul music americana e batidas pop dos anos 60, 90 e dos dias atuais, o álbum será apresentado na Casa da Ópera de Ouro Preto, na quinta-feira (13/7)

“Fireflies” é o segundo CD da cantora mineira Gabriela Pepino que será apresentado no dia 13 de julho, quinta-feira, às 21h, com entrada gratuita, na Casa da Ópera de Ouro Preto. Totalmente autoral e com canções inéditas, o novo trabalho é fortemente influenciado pelo jazz, blues e soul music norte-americano. As composições trazem batidas modernas, letras marcantes e muita energia.

“Foram mais de dois anos no processo de produção do CD gravado em Belo Horizonte e São Paulo. É um trabalho que traz vigor e alma, com melodias exigentes, que mostram minhas influências. Desde criança gosto do soul, pop e funk norte-americano”, conta Gabriela. O álbum traz dez faixas em inglês que mesclam o pop dos EUA, das décadas de 60 e 90, com batidas mais atuais. No show, Gabriela Pepino estará acompanhada por Felipe Fantoni (baixo), Marcio Brant (violão), Helton Lima (bateria), Marcus Nogueira (teclado) e Claudio Moraleida (guitarra).

Em 2012, Gabriela Pepino lançou seu primeiro álbum autoral: “Let me do it”, pelo selo Ultra Music. Esteve presente em turnê pelos estados de Minas Gerais, Brasília, São Paulo, Porto Alegre e Rio de Janeiro. Em 2013, lançou um novo single, “I just wanna make love to you”, e realizou sua primeira turnê internacional, com passagens pelos festivais CMJ em Nova York e MeowCon em Austin/Tx, nos Estados Unidos.

Em 2014 e 2015, Gabriela continuou a realizar suas turnês já visando a produção e lançamento de seu segundo CD. Neste período lançou dois singles um para a copa do mundo, “Ole, Ole”, e o outro chamado “baby, baby, baby”, uma balada eternizada na voz de Aretha Franklin.

Parcerias com Babaya, Gilvan de Oliveira, entre outros, trouxeram para a cantora uma grande experiência. Presente nas últimas três edições do festival Tudo é Jazz – Jazz Paralelo em Ouro Preto/MG, ela também participou como convidada de Gilvan no Festival Tudo é Jazz 2010. Esteve também no Festival Jazz in Marciac /Franca – 2010 e no festival I love Jazz 2011, entre outros.

Faixa a faixa por Gabriela Pepino

“I’ll work it out” fala sobre não desistir daquele ou daquilo que ama e fazer dar certo. Pop vintage anos 90.

“Let’s get moving” é inspirada nos bailes dos anos 60 e programas de auditório da época. É sobre estar feliz, celebrando e dançando. Um groove bem retrô.

“Gimme some love”, inspirada no rockn’roll clássico e suspense bang-bang, a música conta uma história de curtição entre um casal com insinuações íntimas.

“Spread the love” é uma balada moderna com ar vintage anos 90, a mais política das letras do álbum. Fala sobre diversidade de opiniões, como o mundo está cada vez mais intolerante e que devemos semear o amor e não o ódio.

“Like an arrow” é outra balada. Essa mais marcante e a mais introspectiva do disco. Aborda o tempo e que podemos conquistar tudo de volta na vida se quisermos, mas o tempo é a única coisa que nunca volta.

“Chu-cha” a mais bem-humorada do disco fala sobre a minha fobia de chicletes. Chu-cha seria o barulho que um chicletes faz na boca de uma pessoa que o mastiga de boca aberta! Conceito moderno com um ar retro anos 60.

“I ain’t gonna take the blame”, música também inspirada no soul norte americano. É sobre aquelas pessoas que deixam você levar a culpa por algo que fizeram.

“I’ll stay”, pop moderno com ar de anos 90, sobre uma história de amor e a felicidade de ter alguém especial na sua vida.

“Fireflies”, musica que entitula o cd falando sobre estar num caminho escuro na vida e encontrar o vagalume que irá abrir a luz para a sua felicidade. Seja marido, filho, pais, amigos, todos temos algum vagalume para nos dar a luz para nossas escolhas. Pop moderno.

“What if” musica pop sobre as escolhas da vida e o que pode ser diferente. E que na verdade todos buscam a mesma coisa no final, que é o amor.

Serviço

Gabriela Pepino apresenta “Fireflies”

Dia: 13 de julho, quinta-feira, às 21h

Local: Casa da Ópera de Ouro Preto – Rua Brigadeiro Musqueira, 104, Ouro Preto

GRATUITO

Informações para a imprensa: Luz Comunicação – www.luzcomunicacao.com.br

Jozane Faleiro – 31 992046367 / 31 35676714- jozane@luzcomunicacao.com.br

Wandra Araujo – 31 99964-5007 – imprensa@luzcomunicacao.com.br

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e atividades ao ar livre
A imagem pode conter: 1 pessoa, no palco
0 0 780 11 julho, 2017 Agenda Cultural julho 11, 2017

Sobre o autor

CEO e Fundador da 2/1 Revista Eletrônica, Relações Corporativas, Ombudsman, atuou no Jornal O GLOBO (GRUPO GLOBO), Diário da Tarde (Diários Associados), Diário do Comércio, Pohlig Heckel do Brasil (Grupo Belgo Mineira) e Diretor de Relações Públicas do Rotary Club.

Ver todos os artigos por Jean Hausemer

Postagens relacionadas

Artigos recentes

  • VENDE-SE DOIS LOTES DE TERRAS – MUNICÍPIO DE BORBA – ESTADO DO AMAZONAS
    VENDE-SE DOIS LOTES DE TERRAS – MUNICÍPIO DE BORBA – ESTADO DO AMAZONAS
  • Porsche é alvo de operação policial na Alemanha
  • Arábia Saudita inaugura cinema após mais de 35 anos de proibição
  • Irã anuncia que vai produzir ou comprar qualquer arma que precisar
  • Coladera inicia temporada dos shows no Brasil de seu novo disco, La Dôtu Lado
  • MINISTÉRIO DA CULTURA E BRADESCO SEGUROS APRESENTAM “CINDERELLA, O MUSICAL”
  • Loja colaborativa e aceleradora de pequenos empreendimentos locais, Mooca, lança marketplace online